Embalagens de produtos: o que considerar nessa escolha?

  • Artigos
embalagens de produtos
Compartilhe:

As embalagens de produtos têm sido um ponto muito importante para o mercado, inclusive para a indústria de laticínios.

Isso porque o consumidor está cada vez mais atento aos detalhes, buscando por produtos embalados de forma a garantir a praticidade, segurança e sustentabilidade, mas sem deixar de lado um design bem trabalhado.

Em razão disso, é possível notar algumas tendências, baseadas no padrão de comportamento de compra das pessoas. Levar isso em consideração é bem importante, por isso falaremos mais sobre esse assunto aqui!

Por que pensar nas embalagens de produtos?

A preocupação com as embalagens começa principalmente pela necessidade de proteger o produto, tanto para seu transporte, quanto para comercialização em pontos de venda. 

Sabemos que a escolha correta pode aumentar o shelf life e também garantir um produto com as mesmas características sensoriais esperadas pelo cliente.

Porém, a importância dessa escolha vai muito além disso. Podemos pensar na influência dos seguintes aspectos:

1. O perfil do cliente moderno

Hoje em dia, o cliente está mais exigente e atento à detalhes. Embalagens que combinam praticidade e segurança, por exemplo, atendem bem ao perfil do consumidor moderno, que não quer perder muito tempo com uma coisa só.

2. Os valores da marca

Além disso, muitos valorizam a sustentabilidade, algo que está diretamente ligado ao posicionamento de uma marca e os valores que ela busca fortalecer através de seus produtos.

Muitos produtores podem considerar esse um aspecto pouco importante, já que o preço baixo ainda é visto como o principal gatilho para a compra. 

Porém, ser uma marca que se posiciona e que mostra preocupação com essas questões, acaba agregando valor à sua mercadoria e criando um diferencial competitivo no mercado.

Por exemplo a TetraPak, uma das gigantes no mercado de embalagens, lista a sustentabilidade como uma de suas prioridades.

3. As demandas do mercado

É preciso acompanhar as mudanças do mercado e entender como o seu produto pode se ajustar melhor a elas, sanando as necessidades do cliente.

Por exemplo, com a pandemia, houve um aumento significativo da demanda por delivery. Sendo assim, a integridade dos produtos e sua higiene foi um fator ainda mais decisivo para a entrega de um produto de qualidade. 

Portanto, é natural que a demanda por etiquetas e lacres tenha aumentado nesse período.

Quais as principais tendências em embalagens?

Considerando os pontos mencionados acima, podemos destacar algumas das principais tendências para embalagens de produtos, as quais os laticínios também devem ficar atentos:

  • Sustentabilidade: as empresas estão buscando alternativas, trabalhando com embalagens em plástico 100% reciclável ou até mesmo substituindo-o por vidro ou alumínio, ainda que sejam opções mais caras em termos de aquisição e logística;
  • Funcionalidade: o consumidor tende a preferir embalagens práticas, individualizadas e com sistemas “abre fácil”, que mantém o alimento seguro, mas que também são de fácil manuseio;
  • Higiene: a pandemia aumentou a demanda por embalagens mais seguras e com superfícies de fácil higienização, levando em consideração as medidas de prevenção contra a Covid-19.

Leia também: 3 principais pilares do controle de qualidade em laticínio